Quinta-feira, 26 de Maio de 2022
Telefone: (55) 3327 1071
Whatsapp: (55) 99732 1071
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Tempo nublado
19°
15°
15°C
Salto do Jacuí/RS
Tempo nublado
Tempo nublado
19°
15°
15°C
Arroio do Tigre
Tempo nublado
No ar: Feirão da Geração
Ao Vivo: Feirão da Geração
Agricultura

Produção de soja no Rio Grande do Sul pode ter prejuízo de 14 bilhões de reais pela seca

Produção de soja no Rio Grande do Sul pode ter prejuízo de 14 bilhões de reais pela seca
Cobertura de solo pode ajudar a amenizar os efeitos da estiagem - Foto: Paulo Kurtz
17.01.2022 08h36  /  Postado por: Reportagem

O setor agrícola gaúcho pode sofrer um prejuízo superior a R$ 19 bilhões, por causa da estiagem que atinge o Rio Grande do Sul. A estimativa é da FecoAgro (Federação das Cooperativas Agropecuárias do RS). As produções de soja e de milho são as mais afetadas. No caso da soja, a perda da cultura pode chegar a R$ 14 bilhões de reais.

Segundo informações da Defesa Civil do Estado, mais de 240 municípios gaúchos decretaram situação de emergência por causa da falta de chuvas. Pelo menos 60 tiveram essa emergência reconhecida pela União.

Para auxiliar produtores que estão enfrentando perdas, a ministra da agricultura Tereza Cristina afirmou que o ministério está em contato com 15 seguradoras, a fim de ampliar o seguro rural.

Além do Rio Grande do Sul, a ministra visitou, entre quarta (12) e quinta-feira (13), os Estados do Paraná, Santa Catarina e Mato Grosso do Sul, que também enfrentam estiagem.

Pelo menos até domingo, todo o Estado do Rio Grande do Sul, e partes do Paraná e de Santa Catarina estão em alerta de Perigo por causa da onda de calor.

Em Porto Alegre, os termômetros seguem na casa dos 38ºC. O calor só deve começar a se dissipar a partir desta semana, com as pancadas de chuva previstas para a região.

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.