Segunda-feira, 21 de Outubro de 2019
Telefone: (55) 3327 1071
Whatsapp: (55) 99732 1071
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Tempo nublado
17°
13°
14°C
Salto do Jacuí/RS
Tempo nublado
Tempo nublado
17°
12°
13°C
Arroio do Tigre
Tempo nublado
Ao Vivo:
Agricultura

Ocorrência de granizo já é maior que na safra passada

Ocorrência de granizo já é maior que na safra passada
25.09.2019 09h37  /  Postado por: Magali Drachler

O número de lavouras de tabaco atingidas pelo granizo no Sul do Brasil já é quase quatro vezes maior que o registrado no mesmo período do ano passado. Nesse sábado, o Departamento Mutualista da Afubra divulgou as estatísticas atualizadas. Desde o início da safra atual, as incidências atingiram 2.082 plantações no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. Em 2018, no mesmo período, apenas 529 foram danificadas.

Conforme o gerente técnico da Afubra, Paulo Vicente Ogliari, as microrregiões mais atingidas na última semana foram Santa Cruz do Sul (583), Sobradinho (61), Candelária (261) e Venâncio Aires (92). Na área de Santa Cruz entram os danos registrados em Vale do Sol, Vera Cruz e Passo do Sobrado. As demais incidências foram dispersas, atingindo diversos municípios. As perdas variam a cada propriedade. “Tem alguns prejuízos altos, quando o tabaco está mais desenvolvido, mas em outras regiões, onde o transplante é muito recente, os danos são pequenos ainda”, explicou.

No momento, a equipe técnica da Afubra está no campo, efetuando o levantamento dos danos. Os valores podem aumentar, já que os associados ainda estão entrando em contato com a entidade e avisando os avaliadores. Existem 102 avaliadores nos três estados do Sul e 40 na região. De acordo com o gerente, a previsão é de que o trabalho esteja concluído na próxima quinta-feira. “A gente acredita que estará finalizado na semana que vem, se o tempo se mantiver bom”, ressaltou.

Ogliari lembra aos produtores que não fizeram a contratação do seguro que o prazo vai terminar em 31 de outubro. O sistema mútuo cobre os prejuízos causados pelo granizo e granizo/tufão, de acordo com a modalidade que o associado escolheu no momento de inscrever suas lavouras. Para aqueles que antecipam o pagamento, até o final de setembro, o desconto é de 5%; e até o fim de outubro, 3%.

Foto: Catileia Haas

Fonte: Portal Gaz

 

 

 

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.