Quinta-feira, 17 de Outubro de 2019
Telefone: (55) 3327 1071
Whatsapp: (55) 99732 1071
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Alguns chuviscos
25°
16°
22°C
Salto do Jacuí/RS
Alguns chuviscos
Chuvas esparsas
22°
17°
21°C
Arroio do Tigre
Chuvas esparsas
No ar: Bom Dia Geração
Ao Vivo: Bom Dia Geração
Cultura e Turismo

Terra indígena Tekoá Porã e área indígena Júlio Borges terão atividades ligadas ao Dia do Índio em Salto do Jacuí

Terra indígena Tekoá Porã e área indígena Júlio Borges terão atividades ligadas ao Dia do Índio em Salto do Jacuí
10.04.2018 17h44  /  Postado por: Redação

Na semana em que se comemora o Dia do Índio no Brasil, 19 de abril, comunidades tradicionais, governo e entidades de apoio à causa indígena preparam intensa agenda cultural no Noroeste gaúcho, região onde vive a maior população indígena do Rio Grande do Sul. De acordo com a Emater/RS-Ascar, os eventos deverão mobilizar público de mais de três mil pessoas.

A programação se concentra entre os dias 16 e 21 de abril e abrange as Terras Indígenas Tekoá Porã, além da área indígena ainda não demarcada pelo Governo, em Júlio Borges, em Salto do Jacuí.

Por meio de expressões artísticas como a dança e produção audiovisual, e da culinária e do esporte, as comunidades indígenas buscam fortalecer suas tradições, ao mesmo tempo em que pretendem enriquecer e diversificar os valores da sociedade brasileira.

Dia do Índio
Em 1940 foi realizado o 1ª Congresso Indigenista Interamericano, em Pátzcuaro, no México, reunindo delegações de 18 países do continente Americano, dentre eles, o Brasil. O Congresso repudiava a coerção como fundamento da política adotada pelos governos da época com o objetivo de integrar o indígena às sociedades nacionais, negando-lhe o direito de se manifestar e expressar sua identidade de forma autônoma.

A proposta de instaurar o dia 19 de abril, data em que ocorreu o Congresso, como o Dia do Índio, viria a ser reconhecida pelo então presidente Getúlio Vargas três anos mais tarde, por meio do decreto-lei nº 5.540, de 02 de junho de 1943.

PROGRAMAÇÃO

Terra Indígena Tekoá Porã
16/04
9h – Semana da cultura indígena Guarani: canto e danças da etnia Mbyá Guarani
17/04
9h – Roda de conversa entre as famílias e anciãos. Encontro da Palavra Antiga
18/04
9h – Comidas tradicionais: Jety, Avati, Manduvi, kaguydi, mbytá
19/04
9h – Ouvir e Falar, encontro entre governanças e famílias indígenas. Secretaria Estadual de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR), ministério do Desenvolvimento Social (MDS), Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI), Coordenadoria Regional da Educação (CRE), Funai e Emater/RS-Ascar
20/04
9h – Mostra de vídeos e produções audiovisuais realizadas pelos próprio índios. Público interno

Área indígena Júlio Borges
21/04
10h – Encontro da Cultura Kaingang: roda de Conversa, dança, artesanato e oficina pão de mandioca assado na brasa

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.