Terça-feira, 17 de Setembro de 2019
Telefone: (55) 3327 1071
Whatsapp: (55) 99732 1071
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Tempo nublado
16°
13°
16°C
Salto do Jacuí/RS
Tempo nublado
Chuvas esparsas
19°
11°
16°C
Arroio do Tigre
Chuvas esparsas
No ar: Panorama 107
Ao Vivo: Panorama 107
Geral

Reprovação de Jair Bolsonaro vai a 38%, diz Datafolha

Reprovação de Jair Bolsonaro vai a 38%, diz Datafolha
02.09.2019 09h38  /  Postado por: Cladimara Bohrer

Pesquisa nacional feita pelo instituto Datafolha, divulgada nesta segunda-feira no jornal Folha de São Paulo, mostra que a reprovação do presidente Jair Bolsonaro subiu de 33% para 38% em relação ao levantamento anterior. Conforme os números revelados hoje, a aprovação do chefe de Estado brasileiro também caiu: de 33% para 29%. A avaliação do governo, no entanto, ficou estável, passando de 31% em julho para 30% em setembro.

Na pesquisa anterior, o país estava dividido em três partes iguais, entre quem achava Bolsonaro bom ou ótimo; ruim ou péssimo e regular. Desde então, o governo do presidente viu aprovada a Reforma da Previdência na Câmara dos Deputados e esteve envolvido em polêmicas relacionadas ao presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Felipe Santa Cruz, além da indicação do filho Eduardo Bolsonaro para a embaixada do Brasil nos Estados Unidos.

O governo de Jair Bolsonaro ainda atravessa a sua maior crise internacional até agora, relacionada às queimadas na Amazônia. A troca de acusações com o presidente da França, Emmanuel Macron, por conta da situação também está entre os principais acontecimentos da administração nos últimos meses. A perda de apoio entre os mais ricos, com renda mensal acima de 10 salários mínimos, foi acentuada, caindo de 52% em julho para 37% em setembro.

Conforme o levantamento de hoje, as piores avaliações do presidente estão entre as pessoas mais pobres, em que 22% aprovam Bolsonaro, enquanto o índice de aprovação entre os mais jovens, com idades entre 16 e 24 anos, ficou em 24%.

A pesquisa Datafolha entrevistou 2.878 pessoas com mais de 16 anos em 175 municípios de todo o país em 29 e 30 de agosto; margem de erro de 2 pontos percentuais para mais ou para menos e o nível de confiança é de 95%.

*Correio do POvo

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.