Quinta-feira, 24 de Janeiro de 2019
Telefone: (55) 3327 1071
Whatsapp: (55) 99732 1071
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Parcialmente nublado
29°
21°
22°C
Salto do Jacuí/RS
Parcialmente nublado
No ar: Repórter Geração
Ao Vivo: Repórter Geração
Polícia

Quadrilha armada com fuzis tenta assaltar o Sicredi de Lagoão

Quadrilha armada com fuzis tenta assaltar o Sicredi de Lagoão
10.01.2019 09h28  /  Postado por: Magali Drachler

Uma tentativa de assalto foi registrada no município de Lagoão. Uma quadrilha fortemente armada atacou a agência bancária do Sicredi, na madrugada desta quinta-feira (10), por volta das 2h10. Segundo o subcomandante do 23º Batalhão (BPM) de Santa Cruz do Sul, major Fábio Vilnei da Silva Azevedo, em entrevista à Geração FM, três criminosos tentaram entrar pela lateral do prédio onde tem uma janela, com grade. “Executaram bastante usando uma marreta, e como não conseguiram acabaram entrando pela parte da cortina de ferro, quebraram um vidro e entraram pela região dos Caixas Eletrônicos, ainda derrubando uma porta”. Duas pessoas que passavam pelo local (casal) foram feitas reféns.

Os assaltantes ainda efetuaram disparos de fuzil em via pública, contra a agência e contra o prédio da Brigada Militar atingindo o brasilit e paredes. “Eles tiveram acesso aos caixas eletrônicos e o interior da agência. Porém, não lograram êxito em fazer o roubo de nenhum valor. Inclusive tentaram violar um dos Caixas Eletrônicos”, relatou Azevedo.

Inicialmente a ação teria o envolvimento de cinco homens, os quais portavam armas longas, estavam encapuzados, vestiam roupas camufladas e coletes a prova de bala.  No momento em que os assaltantes se preparavam para explodir o caixa eletrônico, o ambiente foi tomado por uma fumaça (dispositivo disparado pela central de segurança do Sicredi, em Porto Alegre). O episódio desnorteou a quadrilha, que não teve mais como agir dentro do banco.

Os cinco assaltantes fugiram sem levar nada.Guarnições da Brigada Militar do Vale do Rio Pardo auxiliam nas buscas aos bandidos que teriam fugido em direção ao município de Segredo, na localidade de Linha Brasil, em um Chevrolet Spin, de cor escura. Na fuga eles jogaram miguelitos na estrada, de maneira organizada, fazendo um cordão e visando evitar a vinda das guarnições de Segredo, Sobradinho, Passa Sete, Candelária ou até Santa Cruz do Sul.

É o segundo ataque a banco que ocorreu no município, porém a ação anterior foi totalmente diferente.No dia 6 de dezembro, o Banrisul foi alvo de dois criminosos, que renderam um funcionário e um vigilante, levando o dinheiro que estava no cofre da agência. Na ocasião, os assaltantes chegaram a pé ao local. A quantia roubada não foi revelada.

A BM está com barreiras em vários locais do interior em toda a região e fazendo averiguações e tentando ver o rumo onde os elementos realmente entraram em rota de fuga. “Continuamos trabalhando”. O registro foi feito na Delegacia de Polícia de Sobradinho.

 

Ouça a entrevista no player acima.

 

 

 

Fotos: Brigada Militar

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.