Sexta-feira, 03 de Julho de 2020
Telefone: (55) 3327 1071
Whatsapp: (55) 99732 1071
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Ensolarado
11°
6°C
Salto do Jacuí/RS
Ensolarado
Tempo limpo
11°
8°C
Arroio do Tigre
Tempo limpo
No ar: Bom Dia Geração
Ao Vivo: Bom Dia Geração
Repórter Geração

Cardiologista diz ser contra o uso de alguns medicamentos no tratamento da Covid-19

Cardiologista diz ser contra o uso de alguns medicamentos no tratamento da Covid-19
19.06.2020 15h21  /  Postado por: Redação

 

A pandemia do novo coronavírus segue sendo uma grande preocupação na área da saúde. Para falar sobre o importante assunto esteve no estúdio da Geração FM em Arroio do Tigre, na manhã dessa sexta-feira, 19, o cardiologista Gilberto Rathke. “Estamos lidando com um vírus novo. Nem o nosso organismo, nem nosso sistema imunológico está preparado para a doença, muito menos nosso sistema de saúde está preparado para o tratamento. Vários medicamentos foram ditos como tratamentos, mas nenhum antirretroviral se mostrou eficaz para matar o vírus. Dizem que a hidroxicloroquina e cloroquina são a solução para o problema. Eu digo que não. Não existe comprovação técnico científica nenhuma em relação a isso. Inicialmente foi falado muito sobre que os dois medicamentos diminuíram o desenvolvimento e a repartição viral, mas não foi comprovado”, explica.

Gilberto Rathke destacou a importância do Arroio do Tigre estar livre do vírus. Porém, lembrou que os profissionais necessitam estar preparados para atender as pessoas e chamou a atenção da população para seguir com todos os cuidados. Disse que não é hora de recuar e relaxar.

Também citou o filho que trabalha em hospitais com a doença e tem visto prescrições de pacientes que foram tratados para a Covid-19. “Essas medicações que dizem ser maravilhosas ou curativas, as vezes nem estão participando do protocolo nesses casos. Os pacientes que tem se recuperado tem passado por uma série de tratamentos bem mais sofisticados”.

Gilberto Rathke ressaltou que os medicamentos usados são experimentais. “Não existe estudos para sustentar que este ou aquele tratamento seja o melhor”. Disse que é a favor de usar, em alguns casos, antibiótico profilático. Citou a azitromicina, claritromicina, sulfato de zinco e todo aquele tratamento que é feito para a síndromes gripais, com analgésicos e medicamentos à base de descongestionantes e antialérgicos.

Arroio do Tigre, até o momento, não possui nenhum caso confirmado da doença.

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.