Sábado, 28 de Novembro de 2020
Telefone: (55) 3327 1071
Whatsapp: (55) 99732 1071
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Tempestades
28°
20°
26°C
Salto do Jacuí/RS
Tempestades
Tempo nublado
27°
18°
30°C
Arroio do Tigre
Tempo nublado
No ar: Top List
Ao Vivo: Top List
Covid-19

Cruz Alta permanece na bandeira vermelha em classificação do governo

Cruz Alta permanece na bandeira vermelha em classificação do governo
16.11.2020 19h41  /  Postado por: Reportagem

O mapa definitivo do distanciamento controlado desta semana apresenta sete regiões em bandeira vermelha, do alto risco epidemiológico para a transmissão e o contágio de coronavírus, conforme anúncio do governo do Estado nesta segunda-feira (16). Outras 14 regiões estão na cor laranja, de risco médio. A definição passa a valer a partir desta terça (17) até a próxima segunda (23).
Quatro pedidos de reconsideração da classificação foram aceitos pelo Gabinete de Crise: de Porto Alegre, Passo Fundo, Guaíba e Caxias do Sul, que passam para a cor laranja. Nesta cor, também estão Bagé, Erechim, Santa Maria, Uruguaiana, Taquara, Palmeira das Missões, Cachoeira do Sul, Santa Cruz do Sul, Lajeado e Pelotas.
A equipe técnica rejeitou os pedidos das regiões de Novo Hamburgo, Santo Ângelo e Santa Rosa, que permanecem na bandeira vermelha, ao lado de Capão da Canoa, Canoas, Cruz Alta e Ijuí, que não entraram com recursos.
Com essa definição, 25,8% da população gaúcha (2.928.206 pessoas) está nos 135 municípios (do total de 497) classificados em bandeira vermelha. Desses, 51 municípios (255.606 habitantes, 2,3% da população gaúcha) podem adotar protocolos de bandeira laranja, porque cumprem os critérios da regra 0-0, ou seja, não têm registro de óbito ou hospitalização de moradores nos últimos 14 dias, desde que a prefeitura crie um regulamento local que deve ser aprovado pelo governo.

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.