Sábado, 08 de Agosto de 2020
Telefone: (55) 3327 1071
Whatsapp: (55) 99732 1071
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Tempo limpo
23°
12°
13°C
Salto do Jacuí/RS
Tempo limpo
Tempo limpo
23°
11°
13°C
Arroio do Tigre
Tempo limpo
Ao Vivo:
Política

Como devem votar os deputados da região na proposta de adiamento das eleições?

Como devem votar os deputados da região na proposta de adiamento das eleições?
Marcelo Moraes e Heitor Schuch (Foto: Reprodução/Portal Arauto)
25.06.2020 09h53  /  Postado por: Redação

O texto aprovado nesta terça-feira (23), que adia as eleições municipais para novembro, já deve ser analisado pela Câmara dos Deputados na próxima semana. A expectativa é dos deputados federais da região, Heitor Schuch (PSB) e Marcelo Moraes (PTB). A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) precisa ser aprovada em dois turnos, com 308 parlamentares a favor.

Segundo Schuch, atualmente, não há esse número de deputados favoráveis ao texto do Senado e, por isso, ele acredita que o presidente Rodrigo Maia (DEM) iniciará hoje um trabalho junto aos partidos e também com os governadores, para garantir o número suficiente de votos. “Ou se constrói um grande acordo ou as eleições ocorrerão em outubro“, destaca. Afinal, qualquer mudança no texto ocasionaria o retorno da proposta ao Senado e, consequetemente, mais atraso na discussão do adiamento do pleito.

Embora seja favorável às eleições unificadas – em que a sociedade pudesse escolher tanto seus prefeitos quanto seus presidentes no mesmo dia -, Heitor Schuch ressalta que ele e os outros 30 deputados do PSB votarão a favor da PEC do Senado. “Talvez novembro não seja o melhor mês, mas é menos inseguro do que outubro devido ao momento atual de pandemia“, salienta.

Da mesma forma, pensa o deputado Marcelo Moraes. De acordo com ele, a votação pode ocorrer tanto amanhã quanto na próxima terça-feira e deve ter maioria favorável ao texto. “Acredito que a PEC seja aprovada na íntegra, até porque qualquer alteração fará com que o projeto retorne ao Senado. Como os prazos por vencer acompanharão a nova data, é importante votar antes do dia 4 de julho, limite para que concursados públicos se afastem dos cargos para concorrer“, explica. Segundo o parlamentar, a votação deve ser pacífica e objetiva, devido ao momento complexo para todos.

No texto aprovado pelo Senado, as eleições municipais de 2020, que ocorreriam em outubro, passariam para os dias 15 e 29 de novembro.

Marcelo Moraes e Heitor Schuch (Foto: Reprodução)

Fonte: Portal Arauto

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.