Segunda-feira, 24 de Janeiro de 2022
Telefone: (55) 3327 1071
Whatsapp: (55) 99732 1071
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Parcialmente nublado
39°
21°
25°C
Salto do Jacuí/RS
Parcialmente nublado
Parcialmente nublado
39°
21°
29°C
Arroio do Tigre
Parcialmente nublado
No ar: Repórter Geração
Ao Vivo: Repórter Geração
Repórter Geração

Bombeiros alertam para a prevenção de incêndios em época de seca

Bombeiros alertam para a prevenção de incêndios em época de seca
13.01.2022 14h19  /  Postado por: Redação

Devido à grande quantidade de incêndios que vem acontecendo nos últimos dias no municípios do Centro Serra, os Bombeiros Voluntários de Sobradinho alertam sobre cuidados e pedem para evitar qualquer tipo de queimadas nesta época de seca. A preocupação é grande pois, por exemplo, um incêndio florestal de grandes proporções teve início segunda-feira, 10, em Lagoão e ainda segue se alastrado,  já em direção a Passa Sete. O local é difícil acesso e dificulta o trabalho da corporação.

O comandante operacional Rudinei Carlos de Lima, em entrevista ao Repórter Geração desta quinta-feira, 13, contou que o incêndio iniciou em uma área de vegetação na localidade de Caçador na noite de segunda-feira. Os Bombeiros de Sobradinho foram acionados e combateram as chamas até por volta da 1 hora da manhã. No local não havia nenhum recurso para abastecimento de água. Apesar disso, as chamas seguem se espalhando atingindo lavouras e a mata nativa. Estima-se que pelo menos 30 hectares de eucaliptos já foram atingidos pelas chamas, que seguem se espalhando.

Outro incêndio florestal atingiu uma área no final da tarde desta terça-feira, 11, em Lajeado da Gringa, interior de Ibarama. Os Bombeiros Voluntários de Sobradinho foram acionados para conter as chamas, que teriam iniciado em entulhos de galhos de uma lavoura, e após atingido a vegetação nos arredores. Não foi possível o acesso para extinguir às chamas com o caminhão de combate a incêndios.

Rudinei chamou a atenção e disse que se tem visitas semanais do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) que está intensificando a fiscalização na região. “Eles vão começar a visitar estas propriedades onde tem ocorrido os incêndios”.

Por fim, Rudinei pediu aos agricultores para redobrar os cuidados e evitar qualquer tipo de queimadas, para não acontecer mais danos, principalmente em propriedades e residências. Ele também citou a saúde dos bombeiros que está sendo prejudicada pela constante inalação de fumaça.

 

Entrevista completa no player acima.

 

 

 

 

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.