Sábado, 14 de Setembro de 2019
Telefone: (55) 3327 1071
Whatsapp: (55) 99732 1071
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Parcialmente nublado
22°
12°
19°C
Salto do Jacuí/RS
Parcialmente nublado
Chuvas esparsas
31°
16°
20°C
Arroio do Tigre
Chuvas esparsas
No ar: Fim de Semana Mega Music
Ao Vivo: Fim de Semana Mega Music
Repórter Geração

“A CPI provou nossa inocência”, disse o prefeito de Salto de Jacuí

“A CPI provou nossa inocência”, disse o prefeito de Salto de Jacuí
20.08.2019 09h48  /  Postado por: Magali Drachler

O relatório final da CPI instalado para investigar eventuais irregularidades na Administração do prefeito e a sua vice, de Salto do Jacuí, foi apresentado sábado (17), durante Audiência Pública, na Câmara de Vereadores de Salto do Jacuí. O evento se estendeu durante todo o dia. A comunidade lotou o auditório. O presidente da CPI, Sandro Drumm (MDB) destaca que ao todo o processo tem cerca de 500 páginas.

Após a apresentação, o relatório foi à votação, sendo julgado improcedente por 6 a 3. Com isso, o prefeito Cláudio Robinson e sua vice Joice Zimmer permanecem em seus cargos.

Nesta terça-feira, 20, presentes no estúdio, o prefeito disse que “a CPI serviu para provar a nossa inocência. Estávamos sofrendo uma pressão política e alguns vereadores estavam “armando” para nós”, comentou.

A vice-prefeita destacou que foi respeitada a legislação dentro dos contratos apontados no processo. “Pelo contrário, buscamos parecer, documentos e tivemos muitos cuidados em respeitar a legislação e as orientações do Tribunal de Contas”.

O município é o único até hoje do Centro Serra que teve um prefeito cassado.

Ouça  a entrevista no player acima.

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.