Notícias

Notícia

07 de Dezembro de 2017

Prefeitura de Cruz Alta fecha prédio de antigo restaurante da rodoviária

Prefeitura de Cruz Alta fecha prédio de antigo restaurante da rodoviária

Baixar imagem

Foto: Prefeitura de Cruz Alta/Divulgação/Prédio abandonado de restaurante recebe janelas e portas novas

      A prefeitura de Cruz Alta resolveu fechar o espaço onde funcionava um restaurante na estação rodoviária da cidade. A ação busca acabar com um problema crônico no local, pois o prédio desabitado servia de abrigo para moradores de rua e usuários de drogas.

A ação foi planejada durante meses por quatro secretarias municipais - Saúde, Desenvolvimento Econômico, Social, Obras e Mobilidade Urbana. Segundo a prefeitura, a ocupação do prédio do antigo restaurante por moradores de rua ocorre há pelo menos cinco anos.

Desde o início deste ano, a Secretaria de Desenvolvimento Social vem fazendo um trabalho de orientação e encaminhamento dessas pessoas para a Casa de Passagem, situada no Bairro de Fátima. Na última sexta-feira, o trabalho foi intensificado e, nesta quarta-feira, houve o deslocamentos dos moradores que viviam na rodoviária para o abrigo.

A prefeitura assegura que a remoção das pessoas foi pacífica.

- A recepção por parte deles foi tranquila. Nossas duas assistentes sociais e uma educadora social foram bem recebidas, junto com motoristas das secretarias. Iremos reforçar o trabalho de fortalecimento de vínculos familiares que foram rompidos - diz a coordenadora técnica da secretaria, Elisabete Martins.

Uma equipe de Obras começou a recolocar as portas e janelas do antigo restaurante para evitar que o espaço volte a ser ocupado, algo que gerava transtornos aos comerciantes da rodoviária, passageiros e usuários da praça do entorno.

 

SOLUÇÃO

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Emerson de Sousa, ressalta que pasta vem tendo reuniões com os comerciantes que atuam no prédio da rodoviária, que pertence ao município. Houve uma licitação em 2014 pelo Estado para um novo concessionário. Contudo, o caso está em discussão na Justiça. As infromações são do Diário de Santa Maria e Prefeitura de Cruz Alta.

Rádio Geração FM - Departamento de Notícias

Atenção: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Site da Geração FM

Comente