Quarta-feira, 17 de Outubro de 2018
Telefone: (55) 3327 1071
Whatsapp: (55) 99732 1071
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
24°
18°
23°C
Salto do Jacuí/RS
Pancadas isoladas
No ar: Frequência 107
Ao Vivo: Frequência 107
Notícias

Com salários atrasados, médicos suspendem serviços em hospital regional

Com salários atrasados, médicos suspendem serviços em hospital regional
28.03.2016 13h26  /  Postado por: upside

Os médicos que prestam serviços na área da otorrinolaringologia no Hospital de Agudo, suspenderam as atividades nesta segunda-feira (28) devido ao atraso no pagamento de salários. De acordo com a administração da instituição, são atendidos pacientes de 43 municípios, sendo 38 da Região Central.
“São 600 consultas e 50 cirurgias que deixarão de ser prestadas por mês”, afirma o administrador Clautério Franke.
De acordo com ele, 80% dos atendimentos prestados pelo hospital são feitos via Sistema Único de Saúde (SUS). Os recursos que são repassados pela União através do Governo do Estado estão atrasados desde dezembro. O montante, destinado a diversas áreas médicas, chega até R$ 400 mil.
“Nós temos capacidade para 150 internações. Há 65 leitos no total, sendo que, desses, 40 são para o SUS. A gente consegue mantê-los com muita dificuldade”, afirma Franke.
De acordo com ele, não há perspectiva para o recebimento de parte dos valores que estão em atraso. Os cinco médicos otorrinolaringologistas e os 10 técnicos da especialidade apontaram que, se houver sinalização por parte do Estado quanto ao pagamento “nem que seja de parte dos salários”, os serviços voltarão ao normal. Enquanto isso não acontece, a população de 43 municípios gaúchos dependente dos serviços é prejudicada.
A reportagem entrou em contato com as coordenadorias regionais de saúde responsáveis pelos municípios, mas não obteve retorno até o fechamento da reportagem.
 
Com informações da Rádio Gaúcha

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.